a

HISTÓRIA

Nota Informativa

Caros Brandoenses, a história da origem da Vila de Paços de Brandão que conhecemos tem, ao longo dos últimos anos, suscitado dúvidas e incertezas.

A Junta de Freguesia de Paços de Brandão convidou um conjunto de Brandoenses, especialistas e apaixonados por História que, em conjunto, formam um grupo de trabalho com o objetivo de recolher, analisar e refletir acerca da história e estórias da nossa Vila.

«Afonso VI, rei de Leão e Castela, pediu reforços a Filipe I, rei de França, para expulsar os Mouros da Península Ibérica. Foram muitos os Cavaleiros Normandos (oriundos da Normandia), que se alistaram na hoste do conde D. Henrique. »

E é daqui que um dos cavaleiros da Normandia, de nome Fernand Blandon, vindo de uma família aristocrática, entra em Portugal em 1095 para assistir ao casamento do Conde D. Henrique com D. Teresa para fazer as homenagens da posse do governo do Condado Portucalense. No entanto, nesse mesmo ano, entrou como Donatário de uma terriola, até ali denominada Villa Palatiolo, como prémio da sua bravura nos campos de batalha contra o Islão, e desde então hoje é conhecida como Paços de Brandão (Paços – Palácio + Brandão – Blandon). Levantou mais tarde a sua Casa Nobre com Torre (como é timbre dos Brandões), a qual não chegou aos nossos dias, devido à erosão. Sabe-se apenas que até ao Séc. XIV a Torre ainda permanecia de pé. Entretanto, Fernand Blandon faleceu em data incerta, e foi sepultado no Mosteiro de Grijó.

A terra Brandoense que se orgulha do seu brasão, fica-lhe devendo o fomento agrícola pela radicação da população e o crescimento de uma nova freguesia. Com solares e grandiosas quintas, incluindo 3 casas com brasão: A Casa da Portela (onde em tempos serviu de cenário para o filme ‘Amor de Perdição) a Casa do Comendador Azevedo Brandão e Casa do Engenho Novo, entre outros focos turísticos como a Igreja Matriz e Capela, às lendárias fontes, ao recente Museu do Papel, , sem deixar de mencionar a Praça de onde feiras e festas populares desempenham um bom papel para a Vila, entre muitos outros focos de interesse turístico, os quais mostramos na nossa galeria turística.